Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Escrevo no silêncio d'uma sala

Escrevo no silêncio d'uma sala, solitário
vendo, à noite, erma e sombria...
Envolveres em teu sudário,
derradeira hora de mais um dia.

No silêncio desta sala que escrevo,
aos olhos vem-me tua imagem calma.
E calada, olhando-te, descrevo,
és triste assim como minh'alma.

Desprezo o que não é de Deus, ó torvo,
anseio qu'me assombra como um corvo.
- Hás de viver quem nele crê está escrito!

Seguir-te irei etéreos os teus rastros,
pra que fiques no céu como os astros,
minha alma a brilhar no infinito.
ThiagoMac
Enviado por ThiagoMac em 14/08/2019
Reeditado em 15/08/2019
Código do texto: T6720421
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
ThiagoMac
Itirapina - São Paulo - Brasil, 35 anos
378 textos (4292 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/19 00:29)
ThiagoMac