Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
WBRkwvGUscJn2xlOjKSdaXydS3j-mP4my2jfimeFdu9.jpg

Só quando...
 
Só quando a terra dorme solitária;
quando se ergue no céu, tão branca, a lua...
E quando o vento geme uma doce ária;
e nas ramas — da parreira — o som flutua...
 
Só quando o orvalho molha o verde prado;
quando o regato manso enfim soluça...
E quando a ave da noite e seu trinado
ecoa — na janela tu debruça...
 
E a olhar o céu estrelado tu me buscas...
A insônia deixa os sonhos ao relento
como uma confissão na aurora brusca...
 
Inspira-te o luar no firmamento.
Teu poema é uma pérola que ofusca
quando me vem trazê-la o som do vento...
 
 

( DO MEU LIVRO DE BOLSO: SONETOS PARA UM AMOR)

IMAGEM: google
Sonia de Fátima Machado Silva
Enviado por Sonia de Fátima Machado Silva em 10/06/2017
Código do texto: T6023447
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia de Fátima Machado Silva
Coromandel - Minas Gerais - Brasil, 56 anos
1306 textos (56525 leituras)
13 áudios (657 audições)
2 e-livros (141 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/20 16:52)
Sonia de Fátima Machado Silva

Site do Escritor