Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto polimétrico XXXIV



Se um dia eu puder te encontrar,
que não seja muito tarde, meu amor,
pois se esse encontro não chegar,
serei eterno prisioneiro na dor.

Há muito tempo que te espero,
já nem sei mais quanto sofri
pois o muito que te quero
é tudo porque assim vivi.

Vamos, vem ao meu encontro, pois tanto
espero ouvir de teus lábios o “sim”
que me fará esquecer todo pranto.

Não negues a tua beleza pra mim,
pois se ainda me faltar esse encanto
o infinito terá o seu fim...


Cláudio Carvalho Fernandes
Enviado por Cláudio Carvalho Fernandes em 13/04/2007
Reeditado em 15/01/2010
Código do texto: T447601
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Cláudio Carvalho Fernandes
Teresina - Piauí - Brasil, 55 anos
186 textos (4143 leituras)
20 áudios (847 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/01/20 22:16)
Cláudio Carvalho Fernandes