Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lutar pra quê?

Sempre quis saber por qual motivo as pessoas lutam e, consequentemente, não poderia ser diferente comigo. Apesar disso, eu nunca soube ao certo pelo que lutar. Se a roda da vida gira em meio aos anseios e devaneios, trazendo consigo aromas inebriantes capazes de mudar o mundo, por que eu não mudaria as coisas ao meu redor? É preciso encerrar um ciclo para iniciar outro. E, assim, estou em uma nova jornada, com pouca bagagem de vida – ainda que já tenha servido para me trazer até aqui.

Espaços são criados para que todos que ali frequentam sejam ouvidos, compreendidos e, quiçá, amparados. Um coração destemido, ainda que munido da força para lutar, não prossegue ileso sem elementos para vencer os percalços. Não sou heroína desta história, sou quem a conta.

E pensar que um dia entrar aqui parecia tão distante mas, como sempre, a roda da vida coloca as pessoas nos lugares propícios. Basta acreditar veementemente e fitar o objetivo, como quem namora uma paquera na escola, outrora.

As jornadas nada mais são do que batalhas e aventuras. Muitos morrem soldados, almejando ser o rei. As vezes a experiência nos coloca diante do que é melhor para nós, mesmo que contrariando o plano inicial. Como uma viagem de trem, onde conhecemos pessoas em cada estação, que podem entrar e sair sem nos avisar detalhes de quando e onde.

E então as perdas nos abalam. As mudanças nos desafiam. As reflexões nos consomem. Basta dar um tempo, para que o próprio tempo passe, e traga luz aos corações que temem. No fundo, todos somos destemidos. Basta encontrar o seu jeito de lutar.


Ps: Me deleito em palavras, mas que os desafios não me subestimem. A luta só começou.
mays
Enviado por mays em 26/06/2019
Código do texto: T6682306
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
mays
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 27 anos
37 textos (1077 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/11/19 18:42)
mays