Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dias

Têm dias que sinto frio
Outros calor.
Momentos que sinto ódio
E dias de amor.

As vezes me sinto doente
Quase sempre sadio.
Também me sinto cansado
Quase nunca vazio.

Há dias de solidão
Quase nunca sozinho.
Dias sem afago
E de muito carinho.

Têm dias de muita pressa
Outros de paciência.
Existem pessoas de má vontade
E pessoas com a ciência.

Têm dias que uso a vírgula
Outros ponto final.
Há dias diferente
E outros sem igual.

Tem horas que "não" passam
Tem anos que voam.
Tem amigos igual ao pai
Tem amigos que ecoam.
César Augusto
Enviado por César Augusto em 18/05/2020
Código do texto: T6950722
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
César Augusto
Parnamirim - Rio Grande do Norte - Brasil, 42 anos
33 textos (549 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/08/20 22:10)
César Augusto