Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Despedida


Toda forma de despedir é dolorosa.
Nunca estaremos preparados para dar adeus à alguém... Melhor dizer: até  breve!
Mas como toda despedida um pedacinho nosso vai junto.
Pois o que fica é o amor
Esse sentimento imortal
Vivemos ciclos
Comparado a um jogo a vida é assim
Passamos sempre para próxima etapa
E dessa forma vamos avançando esse jogo que é viver
Até chegarmos  na última fase
Fase final
Fim de jogo
Será?!
Há tantos mistérios no universo...
Acredito que o jogo continua num eterno retorno.
Sempre fechando ciclos
E com isso vamos evoluindo
Aprendendo a perdoar e a amar
Incondicionalmente.
Essa é a grande mensagem de Deus!
A vida como todos dizem é um sopro,
Um ato no teatro da vida
Mas muitos não crêem nisso.
Acreditam que o fim é o túmulo,
Mas acredito que eles estão nessa fase do jogo, uma hora vão avançar e mudar de opinião.
Mas se despedir faz parte desse jogo da vida.
Dói mas o tempo aplica-nos compressas de bálsamo
E essa dor fica suportável.
A lembrança sem a dor, apenas saudade
Pois Deus é magnânimo
Ele tem sempre o remédio, para nossas dores.
As dores da alma que somente o tempo em sua sabedoria pode fazer por nós.
E a certeza do reencontro...

By Claudia Florindo Corrêa
27/10/17
Claudia Florindo Corrêa
Enviado por Claudia Florindo Corrêa em 09/02/2018
Código do texto: T6249337
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Claudia Florindo Corrêa
Mangaratiba - Rio de Janeiro - Brasil, 49 anos
269 textos (4137 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/20 13:21)
Claudia Florindo Corrêa