Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quase Você

Quase você.
Há alguém na minha frente
e ela é quase você.
É tão deprimente parecida
mas ela não é você.

Nós fazemos coisas
que só eu e você costumávamos
e as coisas que ela diz
são quase as mesmas
que eu ouvia você dizer.

O encanto está ausente?
Tão nublado e ainda não choveu
Amargurado com o tempo desperdiçado
o beijo que é dela
nunca será como o seu

Quase você
Tudo o que seus olhos me prometeram,
eu vejo nos dela também.
Porém ainda vermelhos
por tanto chorar.

Quase você
e a mágoa é indistinta
sem cor e sem nome
talvez pálida como esse céu
e escura como as sombras.

Sou um tolo,
apenas flertando com
esse desastre
que eu me tornei.
Gustavo Brandente
Enviado por Gustavo Brandente em 21/09/2019
Código do texto: T6750675
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gustavo Brandente
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 18 anos
335 textos (8054 leituras)
3 áudios (90 audições)
1 e-livros (33 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/11/19 22:47)
Gustavo Brandente