Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Doce infância

Doce infância! Sorrisos e alegrias!
Belas tardes de aventuras nos quintais.
Brincadeiras! Festanças! Cantorias!
Tempos felizes que não voltarão jamais.
 
Quando à noite toda a terra escurecia,
Pequenas luzes sobrevoavam o descampado.
A criançada reunida na escuridão nada temia
E perseguia os pirilampos iluminados.
 
Quanta euforia! Algazarra! Felicidade!
Os pobrezinhos eram então capturados,
Mas bem depressa lhes devolvíamos a liberdade
Para que voltassem a sobrevoar nosso gramado.
 
Hoje em dia eu já não vejo os vagalumes!
Quem desligou o pisca-pisca encantado?
Por que roubaram das crianças esse costume
E agora as deixam prisioneiras do teclado?
 
Eu já não ouço da garotada o gargalhar,
Não vejo graça nas noites quentes de verão.
Pobres inocentes já não sabem o que é brincar,
Hipnotizados por celular, computador e televisão.
 
Nanna Fazzio
Enviado por Nanna Fazzio em 15/05/2020
Código do texto: T6947756
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Nanna Fazzio
Assis - São Paulo - Brasil, 59 anos
52 textos (1579 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/08/20 09:53)
Nanna Fazzio