Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nunca mais é muito tempo

Nunca mais é muito tempo
Pra quem vivia no para sempre

Não apresse a memória
Protegida pelo acaso
De um reencontro remoto
No outro plano já certo

Não anseie pelo destino
De promessas que jamais quebrei

Poemas escrevemos
Poesia vivemos
Transformada em areia
Por onde pisamos
Escorre o tempo
Em cachoeira
Em mar, rio e lago
Ao som do sol
Escapa às mãos

Ainda dói e passa
Ainda falta passar

Ainda não

Para Théo
Manuela Salles
Enviado por Manuela Salles em 03/09/2019
Reeditado em 03/09/2019
Código do texto: T6736141
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Manuela Salles
Jumirim - São Paulo - Brasil, 28 anos
55 textos (1669 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/19 02:29)
Manuela Salles