Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM CÂNTICO ENTRE AS ESTRELAS DA MADRUGADA

Doce rosa de belos olhos no cair dos teus fios negros de cabelos encantadores e atraentes.

Vistes abaixo do precipício teu coração o descortinar entre teu corpo e espírito teu despedir.

E no abraço final do corpo que em perplexidade como um vôo de águia seguiu destino a fora já na luz do astro rei para a rainha suprema que brilha para sempre.

No curvar inesquecível do teu ultimo olhar ao espelho de -se mesmo contemplou tua alma a queda de uma amarga lagrima despedindo o acaso no perpetuar a certeza que tua estrela nunca quis aceitar.

Abriu então teus olhos em teu real mundo de origem e existência de raiz e, na verdadeira luz de onde tu linda expressão manifesta de vida viestes.

Retornou despertando deste teu doce sorriso que faz do universo o significado de tudo que vive e respira dentre milhões de corpos celestes.

Entre o infinito nos incontáveis grãos microscópios do impossível fizestes aquele que não conhece barreiras para qualquer que seja o expressar dos teus desígnios pensamentos e, propósitos.

O que era vento tomou por corpo espírito e o espírito por matéria um templo na arquitetura de estrela em pé descodificando seu interior pessoal.

Lançando no espelho dos teus olhos
em lagrimas uma recordação na palavra criada por amor ao eterno mistério aprisionado entre verdadeiras chaves de ouro refinado sete vezes.

Do enigmático tu viestes desperta
ao alvorecer no  amanhecer dourado esperado por milênios.


Salve a Luz...
POETA DE HORUS
Enviado por POETA DE HORUS em 16/03/2019
Reeditado em 16/03/2019
Código do texto: T6599319
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
POETA DE HORUS
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil, 40 anos
236 textos (3140 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/04/19 15:31)
POETA DE HORUS