Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
ACROBATA DA DOR
 
Rosimeire Leal da Motta Piredda
 
(Guardar ressentimentos, reprimir as emoções, provoca dor emocional. )
 
Mágoa originada por desgostos do coração.
Estado de profundo desânimo.
Situação sem saída.
Desesperança.
Excesso de dificuldades.
Frustração.
Malabarismo dos sofrimentos.
Demonstração de autocontrole, força e destreza.
Individuo hábil e audacioso é o sofredor.
Equilibrista dos sentimentos.
Exaustão.
Exercícios de agilidade.
Espetáculo interior deprimente.
Nenhuma plateia para aplaudir.
Ninguém para lhe consolar.
Ao anoitecer, entrega os pontos:
decorrência de danos causados a si mesmo.
Derruba toda a sua dor na cama.
Rega com lágrimas seu desgaste mental!
Adormeceu anestesiado pela tristeza. 

_____________________________________________________
 Esta poesia faz parte do livro:
• Livro "EU Poético" - Editora CBJE - Rio de Janeiro - Brasil - Agosto/ 2007 - Autora – Rosimeire Leal da Motta Piredda.
_____________________________________________________ 

  
Poesia sobre mágoa.  Poesia sobre ressentimento. Poesia baixa estima. Poesia sobre depressão.  Poesias Vazio Interiores,  Poesia sobre sofrimento, Poesia autocritica,
 
Rosimeire Leal da Motta Piredda
Enviado por Rosimeire Leal da Motta Piredda em 17/08/2019
Código do texto: T6722838
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rosimeire Leal da Motta Piredda
Vila Velha - Espírito Santo - Brasil, 50 anos
146 textos (1871 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/09/19 03:48)
Rosimeire Leal da Motta Piredda