Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Doce lembrança


Olhando para o mar e pensando:
Agora, eu queria era estar te beijando...

Tanto tempo sendo desperdiçado 
As horas vazias
Sem sua presença 
São horas anuladas pela aflição 
Pois na verdade agora eu queria era estar te beijando...


Quanta bobagem
Quanta coisa dita, impensada
E perdemos tempo nessa viagem
O que vale à pena e viver bons momentos.
Agora, o que eu queria era estar te beijando...


Navegando neste mar de dúvida...
Será que a força que nos une e 
a mesma que nos separa? 


Pois tudo de você eu quero 
E tudo em você me afasta.


Ancorando em portos estranhos 
Me faz lembrar que mais estranho de tudo é ficar sem teu carinho
Procurando em outros o que só 
encontro no seu abraço 
E viver neste frouxo laço 
Conhecendo o caminho da felicidade
E não te buscando...
Permanecendo imóvel a essa promessa 


Basta querer, e querendo vou me afeiçoando a tudo que me lembra
nós dois.
Tudo passou...
Só não passou essa vontade
de ti querer 
Pois vivo sonhando
Porque na verdade eu queria agora era estar te beijando...


Acredito que seja uma recaída...
Uma doce lembrança,
Logo essa vontade também passará.
O tempo e a distância vai nos afastando, 
Assim será, até quando vier uma vaga e doce lembrança, sem a vontade de lhe beijar.

  
    By Claudia Florindo  Corrêa
22/10/17
Claudia Florindo Corrêa
Enviado por Claudia Florindo Corrêa em 24/02/2018
Código do texto: T6263353
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Claudia Florindo Corrêa
Mangaratiba - Rio de Janeiro - Brasil, 49 anos
264 textos (3830 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/11/19 09:03)
Claudia Florindo Corrêa