Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema para Anna Heloysa

O Céu, agora, mais claro
com sua luz que ilumina.
Florido e perfumado.
por seres uma flor de menina,
que irradia a beleza,
por certo, onde caminha.

Seu toque, seu jeito e sorriso
em toda parte que ando.
Distância não há separando,
Mesmo habitando o paraíso.
Certeza que, aos poucos, nos faz
trocar a dor pelo riso.

Seu rostinho de dia eu vejo
Em tudo de belo que há.
Na praça, na rua,
na lida, na despedida,
na fé que atenua
a dor da partida.
Na fé que acentua
a certeza da vida.

Sinto você nas canções,
Que recordam momentos vividos,
e a saudade proclamam.
Lembro-me do seu sorriso
aberto, nunca banido,
mas com esperança mantido
nos corações que te amam.
LUCIANO AUGUSTO
Enviado por LUCIANO AUGUSTO em 14/02/2012
Reeditado em 15/02/2012
Código do texto: T3499892
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
LUCIANO AUGUSTO
Goiânia - Goiás - Brasil, 49 anos
232 textos (18078 leituras)
2 e-livros (1472 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/01/20 18:37)
LUCIANO AUGUSTO