Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

COMO SEMIDEUS . . .

In Memorium Angela
Sempre amada esposa.

Como semideus.
Tenho visões neste abandono.
Perdi noites de sono.
Não tenho mais sonhos.

Não sei se a saudade do passado.
Divago no presente de formas estranhas.
Vejo meus lábios dimensionados.
Num ultimo beijo, molhado e longo.

Meu cérebro em flashs.
Enche-me de imagens bisonhas.
Mesmo em momentos de risos.
Hoje termino chorando.

Sei que você se foi prematuramente.
Para outra dimensão.
Lembro-me cheio de dor.
Seu corpo humano, adentrando ao chão.

Nada podendo fazer.
Frágil, impotente, infeliz.
Orei... Não compreendi.
Preferiria ser gêmeos nesta viagem.
Para estar com você na eternidade.
MIGUEL ANGELO DOMINATO
Enviado por MIGUEL ANGELO DOMINATO em 24/10/2018
Código do texto: T6484675
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MIGUEL ANGELO DOMINATO
Volta Redonda - Rio de Janeiro - Brasil
292 textos (3495 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/19 00:09)
MIGUEL ANGELO DOMINATO

Site do Escritor