Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Páginas do Silêncio

No útero das palavras

que bailam, brincam

e ressoam em perfeita harmonia,

você faz-se presente

em mim qual termos indispensáveis

às orações angustiadas

que se rasgam de dor, implorando sentido.



Nas páginas do silêncio

do adormecer e do acordar,

você é o verbo principal das minhas memórias.

É a trama cautelosamente tecida,

o objeto mágico, (o anel, o sapato...) a pista deixada,

o perfume, a poesia, o rastro,

o protagonista da minha história.


G Aguiar
Enviado por G Aguiar em 23/09/2014
Reeditado em 19/12/2016
Código do texto: T4973459
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
G Aguiar
Aracaju - Sergipe - Brasil, 50 anos
59 textos (55495 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/08/20 16:08)
G Aguiar