Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Na doce Paz da Manhã


1471978.jpg
Foto do pequeno Jardim tirada por mim. Ava.

No quintal, fiz uma pequenina casa,
no jardim, um pé de Rosa Menina,
ainda no vergel, uma flor branquinha,
um arbusto onde o colibri bate as asas!
Esvoaçando, veio um beija flor verde,
beijou todas as flores do pé da parede,
São as trepadeiras, lágrimas de Cristo,
na paz daquele pequeno canteirinho,
meu casal de calopsitas, enfim avisto,
se beijavam embaixo do coqueirinho!
Na cadeira de balanço de manhãnzinha,
Aproveitando os primeiros raios do sol,
Avisto no gramado um pequeno caracol,
Tentando se abrigar embaixo das florinhas.
As maritacas passam em suas revoadas,
Fazendo aquela costumeira algazarra,
ao cantar dos pássaros minh’alma exora,
Quanto mais eu os ouço mais agradeço,
E outras vozes se unem desde o começo,
Os bem te vis, os pardais e as siricoras!
Falar nas vozes que saúdam a Aurora,
Canta o galo e as galinhas cacarejam,
Outro galo responde por trás da cerca,
E eu me sinto tão feliz a essa hora!
Aqui ao pássaros cantam o dia inteiro,
voejam pela cozinha e saem no terreiro,
Tanta beleza se mistura com a alegria,
De tomar o café com leite e pão de queijo,
Com tudo isso e mais eu me deleito,
De ver a mesa farta e posta na cozinha!


?id=1471147&maxw=120&maxh=120

A convite e desafio do meu amigo
Ani, compus essa poesia em Martelo Agalopado, 
modalidade poética Nordestina
Desconheço o autor.

1393390.gif
Ani Ve Atah e Ahavah Olam.

​​​​​​
Linda Interação do Poeta Jacó Filho 
Obrigada Mestre.
*******
SAUDADE DE REPENTISTA 
O martelo que cantava no sertão, 
Em ritmo e estilo parecidos, 
Expressava-me dando a sensação,
De ser um poeta dos tantos enxeridos, 
Já que nos desafios era um campeão. 
Por isso hoje morrendo de saudade,  
Recordei enquanto lia o seu repente, 
Na alma, o gosto da felicidade, 
Que só sentia cantando pra minha gente. 
Algo tão bom que vai pra eternidade,  
E lembrarei sempre que for pertinente!
                                          
Ahavah
Enviado por Ahavah em 16/02/2021
Reeditado em 06/03/2021
Código do texto: T7186055
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
Ahavah
Uberlândia - Minas Gerais - Brasil
592 textos (50895 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/04/21 13:33)
Ahavah