Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Goles de aguardente

Goles de aguardente

Dilacerante a dor que no meu peito
se instala sempre no final de cada dia
e me acompanha até o adormecer.
E sem encontrar nenhum outro jeito
estaciono meu corpo no primeiro bar
onde busco parcerias para o sofrer.
Num ato derradeiro e sem preconceito
entorno goles e goles da aguardente
mais barata e com forte cheiro de garapa.
Nada adianta. Sinto um ar putrefeito.
A dor permanece, insiste, resiste e
não cede aos delírios do teor alcoólico.

márcia fernanda
ou
marcinha

MÁRCIA FERNANDA
Enviado por MÁRCIA FERNANDA em 01/05/2020
Código do texto: T6933756
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
MÁRCIA FERNANDA
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
103 textos (2410 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/08/20 23:28)
MÁRCIA FERNANDA