Capa
Cadastro
Textos
┴udios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CAMIMHOS RECLUSOS

Caminhos perdidos
Despidos de mim
Um clamor que não tem fim
Uma promessa
Um dia sem pressa
Tenho encontro com o vento
E com a luz do sol
Quero estender minhas sombras
No varal onde vente
Esquente a alma
E transita gente
Que não julga
Apenas pressente
Que deve ajudar
Ou que calar é preciso.

Quero atender aos avisos do meu corpo
Deixar as prisões da minha mente
Que morre lentamente
Cansadamente
Desespederadamente
Por não atender aos sinais
Deixando meus ais
Além de mim.

cassiano ga˙cho
Enviado por cassiano ga˙cho em 21/07/2019
Cˇdigo do texto: T6701327
ClassificašŃo de conte˙do: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
cassiano ga˙cho
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 49 anos
34 textos (495 leituras)
(estatÝsticas atualizadas diariamente - ˙ltima atualizašŃo em 16/10/19 06:27)
cassiano ga˙cho