Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Cor da Tarde


I
Olhos d’um cair da
tarde,
De um pôr-do-sol
diferente, daqueles que
aquecem ao peito o
impulso que arde,
deixando-nos ávidos no
anseio do novamente.
II
Será por hercúleo
esforço não ver hoje
pelos olhos seus.
Tornar-me-ei assim cego
por então?
Eis aqui meus olhos.
Já não olham mais se
não for pelos olhos teus.
Pois quando aos olhos
fecho, os meus.
Doravante olho com os
olhos teus.
No que meus olhos já
não olham mais se não
for pelos olhos teus.
~x~
Rio de Janeiro, 10 de Fevereiro de 2014.

DUARTE, Marcos Davi - Incautas e Trovas - Sonhos de um Artífice de Letras. Rio de Janeiro: Ed. JD⪚ 2015
Davi Duarte
Enviado por Davi Duarte em 17/09/2019
Código do texto: T6747470
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Davi Duarte
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3 textos (13 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/19 03:39)
Davi Duarte