Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Partida

Parto, em sofrimento
Morri, tantas vezes quantas chorei
Te amei, olhando as estrelas
Mesmo ausente de ti

Como ontem, tão belo o céu
Entre metáforas, pensamentos,
Versos de tristeza, saudade,
Carregados entre caixas e pacotes

Aquela hora da madrugada
Embora noite fresca de outono
Sentia calor e pensava no mar
E se ele seria capaz de afastar todos os tormentos

Lembrei Atlântida afundada
Pareceu em vão, naquele momento
Eu tão egoísta, pensei só no meu amor
Incapaz de aceitar que a felicidade mora ao lado

Momentos como esse, dá uma saudade
De um lugar, que eu não sei qual
Perdoe-me aos que me amam
Mas esse endereço não é perto daqui




Giigi
Enviado por Giigi em 06/04/2016
Código do texto: T5597010
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Giigi
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 53 anos
47 textos (975 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/19 01:11)
Giigi