Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Flor

Rosácea mortal com seu veneno certeiro:
O mel que orvalha do receptáculo incandescente
E escorre pela corola.

Após cada toque meu em tuas tímidas pétalas,
Gritas em suspiros meu nome indecente,
Rosa morena,
Que já plantei em solo vermelho.

Agora vejo teu brilho silencioso
A repousar sobre a penugem branca do meu leito
E perfumar esse meu jardim sem cor.
Lucas Lavisio
Enviado por Lucas Lavisio em 09/05/2019
Código do texto: T6642605
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Lucas Lavisio
Londrina - Paraná - Brasil, 19 anos
4 textos (116 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/07/20 09:19)