Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NUM PAÍS À BEIRA DO ABISMO

Num país à beira do abismo
Em uma terra chama Brasil
Do famoso “jeitinho”, o sofismo
Onde grande mesmo é o racismo
Todo dia é primeiro de abril…

Num país à beira do abismo
Onde maior é quem porta um fuzil…
O povo prefere o vandalismo
Não se sabe o que é civismo
E a polícia que tem é hostil

Num país à beira do abismo
Onde o senado é um verdadeiro covil
A justiça tem poucos mecanismos
No governo ainda há nepotismo
E o eleitor como sempre é servil!

Num país onde há capitalismo
E onde o código penal é senil
Prende um pobre, mas não acaba o fascismo
O sistema favorece o elitismo…
Um doutor na cadeia, quem viu?

Nessa pátria carregada de ísmos
Onde a própria Justiça faliu
Eu fico é com o meu ceticismo
Pois ainda há muito cinismo
No meu País Varonil!


Pinho Sannasc
A Alma de um Poeta(Pinho Sannasc)
Enviado por A Alma de um Poeta(Pinho Sannasc) em 06/12/2013
Código do texto: T4601814
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
A Alma de um Poeta(Pinho Sannasc)
Salvador - Bahia - Brasil
249 textos (37662 leituras)
11 áudios (1387 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/19 10:42)
A Alma de um Poeta(Pinho Sannasc)