Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Criação XX/XXI

Criação XX/XXI
Pousados os olhos
no tampo
os dedos a traçar no ar mensagens inconscientes
a ponte dos óculos
                 aninhando-se
                 à ponte do nariz

as letrinhas do teclado a produzir
associações que levam a outras

e assim por diante

o corpo como que atento,
a vigília que aliena todo o resto
do mundo
a musculatura rija, os olhos fixos, o oposto do medo
que não é coragem

nem a vontade animal de assaltar de súbito

as pernas cruzadas
a inclinar o eixo do corpo
                                    sobre a cadeira
por trás da constituição frágil todo um universo
que será destruído ao mais leve e
passageiro
som

pois é o escutar a si mesmo

a via indiana pulsante de impressões ubíquas
que é a consciência. a transformar-se
num túnel verdejante francês

(ignorante quanto ao clamor das ruas)

por onde passa
dos pensamentos inquietos para os dedos
à espera

uma palavra por vez
Candela
Enviado por Candela em 19/08/2019
Código do texto: T6724111
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Candela
Gravataí - Rio Grande do Sul - Brasil, 25 anos
83 textos (1290 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/07/20 21:00)
Candela