Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cromatismo

Cromatizo letras
em versos
para encantá-las
na tessitura
da conta perversa
como a música
entusiasma-se
na dissonância.

Deito-me para definir
o material do sonho
na fria contemplação
da distonia métrica.

Contemplo o vazio
para me extenuar
na pele do vento
com ares femininos.

Sou partícula do zero
sem saber  do eterno
ou da febre exaltada.
ubirajara almeida
Enviado por ubirajara almeida em 12/01/2019
Reeditado em 12/01/2019
Código do texto: T6548993
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ubirajara almeida
Maceió - Alagoas - Brasil, 68 anos
110 textos (963 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/03/19 02:11)
ubirajara almeida