Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NIILISMO À FLOR DA PELE

com o tempo,
você percebe:
que pessoas doem,
que você só depende de você para sorrir
pois para chorar todo mundo ajuda,
que quem mais te decepciona
é de quem você mais esperava coisas boas;
que quem te derrubou
nunca ajuda você a se levantar;
que seus remédios
estão dentro de você mesmo, e seus venenos, também;
que o competente vence sozinho mas a incompetência tem seus aliados;
que seu espelho sempre falou a verdade, você é que não quis acreditar;
que o que você demorou anos para construir
alguém pode derrubar em um segundo;
que você é responsável pelo que disse
e não pelo que entenderam;
que o amor enfraquece
porque você se torna vulnerável àqueles a quem ama
enquanto que o ódio fortalece quando as pessoas passam a te respeitar mais pelo medo;
quer as pessoas serão lembradas mais pelo bem que deixaram de fazer do quer por todo o bem que fizeram;
que as pessoas te procuram quando precisam,
quando você precisa, elas nunca te encontram;
que não existem amigos para sempre,
existem companheiros de jornada na mesma profissão
que se aproximam em um determinado espaço da estrada;
que, às vezes, sorrir dói mais do que chorar;
que os seres humanos fedem; uns mais, outros, menos;
que você não deve se preocupar em ter amigos para segurarem as alças do seu caixão, pois algumas empresas funerárias tem bons empregados para isso;
que aquela pessoa que você foi buscar na maternidade do hospital será aquela que vai te levar ao asilo;
que você se torna responsável por tudo que põe no mundo desde seus filhos até suas fezes;
que se os seres humanos fossem bons Deus ficaria com eles no céu e mandaria os anjos para cá;
que Deus se arrependeu quando fez o homem e quis extingui-lo com o Dilúvio; que Ele errou novamente quando quis salvar a Noé e os seus na Arca, pois tudo continua a mesma coisa;
que se eu precisar explicar tudo o que digo a você um de nós é burro;
que o homem é a maior criação divina mas o seu Deus pode ser a maior invenção humana!
Jonas De Antino
Enviado por Jonas De Antino em 16/10/2018
Reeditado em 04/02/2019
Código do texto: T6477621
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jonas De Antino
Cajati - São Paulo - Brasil, 54 anos
670 textos (10063 leituras)
5 e-livros (99 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/10/19 22:37)
Jonas De Antino