Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
IMPERMANÊNCIA

O firmamento ainda reina sobre minha cabeça
O solo ainda é firme sob os meus pés
O sol matinal ainda vem me aquecer
Os pássaros ainda cantam louvando o dia
Ainda sinto o cheiro do orvalho da manhã
 
Me sinto sólido sobre a terra
Ainda posso dizer que estou vivo
 
Nasce um novo dia
Com suas alegrias e fantasias
Nasci também de novo
Na labuta de um mundo novo
 
Nasceu um novo mundo
No pensamento do poeta
Nasce a esperança
O único bem que me resta
 
Depois de nascer o que vier é o começo do morrer
E o morrer é a única certeza que temos ao nascer
 
Tudo que é vivo carrega essa sina
 
Só existe um único fato
E esse fato é a impermanência
 
Pois de hoje há cem anos
Todas as pessoas vivas estarão mortas
Porque tudo que nasce, morre!

 
Jp Santsil
Enviado por Jp Santsil em 21/05/2017
Reeditado em 24/08/2017
Código do texto: T6005169
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jp Santsil
Ness Zyonna - Central District - Israel, 38 anos
63 textos (458 leituras)
3 áudios (34 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/19 12:48)
Jp Santsil