Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Matas Verdejantes

De: José Borges/

Se o homem olhasse a natureza
como uma dadiva a vida, ele não.
puniria prendendo nem matando
animais.

Ele não furtaria arvores e nem ia
queimar nossa mata, destruindo a
terra deixando o planeta à beira do
caos.

Por não amar nem respeitar a natureza
o homem mata rios e riacho, assalta a
flora e estingue os animais.

Por causa da ação destrutiva do
homem, caminhamos a passos...
largo rumo à extinção, pois Já
não chove onde tem que chover
e não nasce nada em terra rachada.

De virgem nossas matas verdejantes
não tem mais nada desviaram rios e
pedras preciosas, roubarão de tudo
um monte ate a nossas biodiversidade.

Autoria:José Borges da Silva Filho
Poetahdasletras
24/05/2019



Poetahdasletras
Enviado por Poetahdasletras em 24/05/2019
Código do texto: T6655743
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Poetahdasletras
São Paulo - São Paulo - Brasil, 60 anos
1902 textos (30705 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/01/20 03:37)
Poetahdasletras