Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Transe

É por ela que ficamos
E é por ela que iremos,
Para o quão distante for preciso,
Sozinhos pra longe,
Perambulando pela imensa e perigosa selva de concreto

Longe pela escuridão,
Caminhando e segurando as mãos
O chão efervescente como nossas mentes,
Mil transes para o meu amor

Sem ao menos sentir os nossos pés,
Você me matou por dentro,
Eu me sinto tão fraco,
Eu me sinto tão triste,
Ponha a arma na minha testa e deixe o resto fluir,
Ponha a sua boca na minha e deixe o resto fluir,
Existem apenas lugares para a insanidade na cinzenta metrópole

Você é como o diabo usando um vestido vermelho,
E os lábios com o sabor de veneno.
Você é como um anjo usando um vestido vermelho,
E os lábios com o sabor do pecado.

Junte-se ao meu pecado,
Desfrute dos mil transes
Enquanto ouve a mais bela e perversa sinfonia,
Em meio à loucura dos seus sonhos e sua melancolia.
Soturno
Enviado por Soturno em 05/04/2020
Código do texto: T6907927
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Soturno
São Paulo - São Paulo - Brasil
19 textos (559 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/09/20 19:19)
Soturno