Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"um outro teatro das minhas mesmas ilusões,"

"O que não tem remédio remediado está".

(Otelo) Ato I - Cena III





...





próximo caso do calor premente e primal
próximo passo a um máximo dessa consulta
quais verdes linhos de aspereza e contato igual
que não era! que não foi e repete a sua lisura

um teatro, e estou.. por restante ato de selva
um pouco de mais nada, e outras cartas vivas
pecado por, exemplo.. em tempo acima da relva
e a outro lado, sou! tal o sopro em suave descida

oh, sonhos.. que iluminem essas escadas de mim
aos pontos e exercícios obrigados por um triz, assim
daquele canto que se nega, qual a estaca no fim..

e lembrem-me de acordar aonde de fato, não vim.
era pra ser o jeito matreiro dos olhos revestidos
era pra ser só linha simples que agora, nem creio





e nem vejo mais.
AzkeTarOss
Enviado por AzkeTarOss em 20/09/2019
Código do texto: T6749989
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
AzkeTarOss
São Paulo - São Paulo - Brasil, 32 anos
55 textos (245 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/19 01:12)
AzkeTarOss