Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inocentes jardins

Borboletas amarelas
Céu azul anil
Rios cintilantes
Brilho que nunca se viu

Amor tão puro
Beijos sinceros
Saudade aguçada
"Como eu te quero"

Verdes manhãs de Sol
Pegaram o condão
Quem o levou?
Ofuscaram a visão

Distância cruel
Como sonharei?
Escreverei num papel
"Muito eu te amei"

(Inspirada na música "Um Deus Ateu" de Guilherme Arantes)
Patrícia Ximenes
Enviado por Patrícia Ximenes em 30/12/2009
Reeditado em 30/12/2009
Código do texto: T2002367
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Patrícia Ximenes
Itaboraí - Rio de Janeiro - Brasil
272 textos (9779 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/19 15:39)
Patrícia Ximenes