Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Passageiro, Sentidos da Vida ...

A vida é estranha, raramente parece fazer sentido.

As vezes temos amigos que nunca queremos perder ou deixar longe, mas com o passar do tempo alguma coisa muda e deixamos que se abram abismos de silêncio entre nós.

E quando mal esperamos as palavras já não fazem mais sentido.

Reconheço ser uma pessoa difícil, de poucos amigos, recluso em casa, e de conversas monossilábicas...

Tenho meu mundo particular, de solidão, onde só entra quem eu quero.  Mas isto não pode ser interpretado como maldade nem orgulho.

E que não gosto de dar trabalho aos outros. Cresci com esta autodefesa, mas que vez por outra se embaraça com meu desejo de ser mais caloroso.

Com a vida vou aprendendo a caminhar. Me faço de cigano, indo e vindo ao desconhecido. E deste jeito desgarrado já conheci tanto lugar incrível, já passei por tantas cidades, e me encantei com o mundo, mesmo quando me fez chorar.

Parece bobo, entretanto a cada palavra que escrevo uma lagrima cai, não de tristeza, mas de uma alegria libertária...

Não sou de magoar ninguém, mas também não levo desaforo para casa. Mas diferente dos outros: se você me atirar pedras vou te atirar flores, afinal só podemos oferecer aquilo que temos ...

Sou aquela pessoa que adora ajudar, mas sem se preocupar com retribuições. Adoro abraços, beijos , sem importar em me expor.

Me aponte meus defeitos que eu irei apontar suas qualidades ...
Kinhoblue
Enviado por Kinhoblue em 05/08/2020
Código do texto: T7026601
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Kinhoblue
Itaboraí - Rio de Janeiro - Brasil, 27 anos
12 textos (45 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/20 16:38)
Kinhoblue