Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Domingos são cruéis

Tudo foi em vão.
Nessa carcaça sem vida
Apenas pedaços mortos
Presos em memórias velhas
De um tempo feliz.
Tudo o que eu faço
me faz pensar
em como tudo terminou.
Antes mesmo de começar.
E agora
eu preencho os espaços
com falsas seguranças
e mentiras bonitas.
Como se de alguma forma
um sorriso macabro pudesse aparecer.
Ele sempre murcha
como uma flor arrancada de sua alma.
Tudo foi em vão.
Só restou o desejo de parar o tempo.
E a impotência
perante os dias.
Kalimera Savage
Enviado por Kalimera Savage em 14/07/2019
Código do texto: T6695649
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre a autora
Kalimera Savage
Caxias do Sul - Rio Grande do Sul - Brasil, 22 anos
52 textos (619 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/19 18:58)
Kalimera Savage