Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O mar e eu!

Fechei a porta de casa e dirigi-me até a praia, hoje era um daqueles dias que precisava de me sentir mais proximo de ti, mais próximo de quem verdadeiramente sou. Descalça percorro a praia sentindo a areia contra a minha pele, olho para tras e apenas minhas pegadas estão hoje marcadas, em momentos passados quase que jurava que ali se encontravam mais umas. O vento sopra meus cabelos para a face como se me tentasse impedir de ver o percurso a percorrer, como se a me tentar a desistir de fazer o percurso que tenho a fazer. Precisava de me sentir mais perto de ti, de me recordar do som da tua voz que a distancia teme em distorcer e ganhar força para relembrar todas aquelas palavras que as ondas trazem ate mim. Sentei-me numas pedras que ali encontrei e fiquei a sentir a fria agua do oceano molhar-me. Senti as ondas a acabarem junto à minha mão, tentei agarrá-las mas tudo desmoronou-se em minhas mãos, tentei fechar a mão e agarrá-las mas a sua verdadeira beleza, o que tanto amo nelas só posso vislumbrar quando são livres, não as posso prender. Isto não é uma despedida, apenas um desabafo, apenas uma dor que me atormentava e fiz dela um aglomerado de palavras. Sinto-me a margem da vida que decorre, à margem de uma vida que é a tua e nunca será a minha. Fecho os olhos e meus olhos enchem-se de lágrimas que não deixo cair, lágrimas que não mudam em nada nossas histórias.
Lua Linda
Enviado por Lua Linda em 10/01/2012
Código do texto: T3433728

Comentários

Sobre a autora
Lua Linda
Belém - Pará - Brasil, 34 anos
83 textos (6845 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/05/21 15:29)
Lua Linda