Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FOLHA MORTA
 
Com rancor Evilásio saiu correndo, após longa briga,  que tivera com a sua amada esposa .  Sim um gostar doentio, regado de ciúme, exigências, ordens, posse...  O desequilíbrio total, levado às criações de histórias e estórias  surgidas  ilegalmente  da sua pura imaginação da mente. A exemplo típico de que o pensamento "gera imagem"... Dessa forma Evanilda, a esposa sofria muito, sem analisar, o quanto era submissa aos desejos do marido. Em consequênia disso tudo, um cotidiano daquele lar, sempre fora conturbado, gerando desconforto, negatividade, através das constantes desavenças.  Muito cumum, Evilásio, em seguida das suas loucuras, sair às soltas pelas ruas, avenidas, bares... Ao julgo dos despeitos bebia por horas afinco, voltando ao lar, depois de muitas horas.  Pela generosidade da companheira a paz, junto do perdão vinha sempre à baila.Naquele dia não fugiu  a costumeira regra. Entrou calmamente  na residência e observou que a sua cônjuge estava ausente. Tudo vazio e silencioso! As horas passaram...foram muitas!  Onde estaria Evanilda?  Noticiado por autoridades policiais , a esposa  sofrida fora encontrada morta, tendo como causa morte, auto suicídio, a beira de um riacho. Os dias que se procederam, na vida de Evilásio, somente o futuro iria responder... Uma outra página da mesma história.


                                               
 
 
                                          936842.jpg

 
 
Autor:
Rodolfo Antonio de Gaspari-Roangas-
Conto Minimalista
Fonte: Passarela de Contos
Imagens: Google
Música de Fundo: Se Oriente-Projeta Dois Mil Anos Para Isso- Roma-

 
roangas
Enviado por roangas em 28/10/2013
Reeditado em 12/02/2017
Código do texto: T4546128
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
roangas
Porto Ferreira - São Paulo - Brasil, 73 anos
319 textos (74509 leituras)
36 áudios (5966 audições)
8 e-livros (1406 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/21 23:30)
roangas

Site do Escritor