Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

11340/06

Às 11:30, deitado naquele colchão, tudo que ele queria era o almoço que sua esposa zelosa sempre preparava. Gostava muito da comida dela e em razão disso, as vezes, pensava que podia ser menos severo com a mulher. Mas não, sempre acreditou que mulher tem que se tratada na redia curta.
Com a barriga roncando, levantou, se espreguiçou sob pequeno feixe de luz do sol que invadia o cômodo. Não via a hora de comer.
- Olha o almoço! - gritou a agente penitenciária, passando uma quentinha pelas grades.
Estranha Mente
Enviado por Estranha Mente em 23/10/2018
Código do texto: T6484320
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Estranha Mente
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil, 21 anos
24 textos (832 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/19 04:06)
Estranha Mente