Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pai: Um Herói Sem Capa

       Pai, neste dia tão especial queria te dizer que eu te amo e que é incrível falar do senhor. Sei que nem mesmo as palavras mais bonitas são capazes de descrever o que eu sinto pelo simples fato do senhor ter existido em minha vida e ter me educado. És tudo pra mim. Ajudastes-me em tantas coisas, andar de bicicleta, jogar bola, levastes-me ao cinema, ao parque e quantas viagens realizamos juntos. O senhor não é apenas um pai pra mim, o senhor  é minha base.
Fico às vezes a observar pessoas que vivem nas ruas com seus pais, mas mesmo assim, são muito felizes com ele. Sei que  alguns tem pais ruins que abandonam seus filhos, maltratam e fazem outras coisas ruins. Um pai de verdade não bate nem violenta seus filhos, pelo contrario, eles amam, dão carinho, atenção e protegem de todos os males, estão sempre ao seu lado para te ensinar a ser alguém na vida. Graças a Deus pai que o senhor é bom comigo e com meus irmãos.
E quem disse que para ser pai é preciso ser biológico? Conheço colegas que seus pais não são biológicos e é provável que sintam a mesma felicidade, sei que sentem.  Alguns têm seus “avohai”, um avô pai, que ficaram encarregados de preencher o vazio deixado pelos pais que foram embora quando seus filhos ainda eram pequenos. Esses avôs também cuidam com muito carinho e amor. Alguns dos meus colegas falam que tem vontade de conhecer seus pais, e que quando pensam no dia dos pais o que sentem é um profundo desanimo.
Fico imaginando como irei reagir quando souber que o meu pai fechou os olhos para nunca mais abrir. Sei que sem o senhor minha vida não será a mesma, e só de pensar nisso já me parte o coração.
Desculpa papai. Desculpa se algum dia te fiz infeliz. Desculpa por aquele dia que te deixei bravo. Desculpa por aquele dia que te fiz chorar escondido. Sei que o senhor se importa comigo. Confesso que algumas vezes te achei chato, te desprezei e por causa do meu orgulho não te desejei um feliz dia dos pais nem te falei o quanto te amo, falei que não gostava mais do senhor, mas mesmo assim o senhor continuou gostando de mim, e com isso aprendi mais uma coisinha com o senhor, aprendi que um pai não tem raiva de um filho. Mas eu não sabia que o senhor queria o meu melhor, pois já deve ter passado por algumas situações que não quer que eu passe, toda essa sua experiência é grande e gratificante. Desculpa papai.
Infelizmente pais não são pra sempre. Por isso tento aproveitar o máximo com o senhor, quero ser sempre o seu “xodó”.  Sei que para algumas pessoas o dia dos pais é doloroso, pois seus pais já não estão mais aqui, Deus os levou para um bom lugar. Seus filhos nunca irão esquecer dos seus abraços, beijos, atenção, de todo seu carinho e esforço para não deixar nada faltar dentro de casa. E sei que mesmo eles não estando aqui, eles sempre foram e sempre serão o seu maior orgulho.
Pai gostaria de poder retribuir tudo o que tens feito por mim, por ser meu herói, conselheiro, protetor, orgulho, exemplo, amigo e eterno amor. Mas não há dinheiro que pague tudo isso e por isso o que eu te ofereço é o meu amor. Pai sei que o senhor pode até sair da minha vida, mas nunca sairá do meu coração. EU TE AMO PAPAI!!!
JB Bruno
Enviado por JB Bruno em 12/08/2017
Código do texto: T6082047
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Bruno Silva). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JB Bruno
Cupira - Pernambuco - Brasil, 26 anos
9 textos (193 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 18:26)
JB Bruno