Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
 

Oi Pessoal,

 
Chega um tempo que precisamos parar no meio da estrada. Talvez para refletir se o caminho está certo e também para abastecer de novo as energias para seguir.  Porque tem momentos que nos cansamos, sentimos fracos.  O caminhar parece pesado, arrastado. Isso porque carregamos quinquilharias demais às costas, mas teimamos em continuar com os saltos altos, as roupas justas.  Ou seja, sem humildade e com o coração apertado de coisas velhas que vão ficando amontoadas pelos cantos. Quando chega o final de mais um ano nos sentimos assim e é até natural, pois as lutas e crises são muitas em nossas vidas. Mas é preciso abastecer as energias e jogar fora quinquilharias. Isso significa rever nossa espiritualidade, desfazendo-se de velhas coisas do passado como sentimentos de mágoas, tristezas, dores, que vão ficando como lixo no coração e nos enfraquecendo.
O final de mais um ano é o momento dessa parada porque durante o ano não tem jeito, vivemos mesmo correndo sem nos preocupar com a estrada que percorremos. Até as pedras que encontramos pelos caminhos, nós pulamos sem refletir direito sobre elas. Penso que o final do ano existe justamente para isso, para fazer essa parada obrigatória. Fazer balanços, rever projetos, criar outros. Rever nossa espiritualidade é se preparar para continuar a caminhada de novo no ano seguinte. Porque com certeza não virão só coisas boas. As crises, as pedras no caminho, sempre existirão e precisamos estar preparados para não haver desânimo. E com relação a isso tem uma coisa que estive pensando: não devemos mesmo criar expectativas demais pensando que o próximo ano será só maravilha. Claro, a gente deseja tudo de bom para todos e com certeza teremos mesmo mais coisas boas que ruins. Basta viver o momento que descobriremos isso, mas não podemos nos deixar enganar: haverá momentos difíceis. E precisamos estar fortes porque desse modo podemos administrá-los com sabedoria, força, fé, alegria, serenidade e não cair na depressão. Portanto, reflitamos agora nossa espiritualidade. É o momento certo e com certeza 2017 será um novo tempo e nossos sonhos serão verdade como nos fala a letra de uma música tradicional de final de ano.
Feliz Ano Novo para todos!!!!!!!!


 

( imagem : google- escolhi essa imagem em homenagem ao meu fusca  kkkk)




Sonia de Fátima Machado Silva
Enviado por Sonia de Fátima Machado Silva em 28/12/2016
Reeditado em 28/12/2016
Código do texto: T5865616
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia de Fátima Machado Silva
Coromandel - Minas Gerais - Brasil, 57 anos
1341 textos (58350 leituras)
13 áudios (691 audições)
2 e-livros (150 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/04/21 19:16)
Sonia de Fátima Machado Silva

Site do Escritor