Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Incesto

Incesto
 
    O Incesto é um relacionamento sexual doentio que está corroendo a humanidade ao longo dos séculos. Significa - Substantivo Masculino - Relação Sexual entre parentes (consanguíneos ou afins) dentro dos graus em que a lei, a moral ou a religião proíbe ou condena o casamento. Não é puro, não é casto; impudico, impuro, incestuoso, torpe.
    Independente de qualquer orientação Bíblia, o incesto é tão asqueroso que a sociologia, psicologia, lei, antropologia condena, devidos aos males biológicos e psicológicos que pode proporcionar, chegando ao ponto de degenerar toda uma sociedade.
 Podemos, perceber dentro da genética que uma pessoa possui 30 mil genes para a reprodução humana (isso acontece no espermatozoide e  óvulo); entre os quais são compostos pelos Genes Deletérios; o que em uma relação sexual reprodutiva entre parentes consanguíneos; aumenta de forma desordenada, que por sua vez gera uma criança imperfeita (Doente, e com malformação genética).
    Essa atitude é uma monstruosidade; de maneira que percebemos no meio dos animais mamíferos, que eles rejeitam a presença de um irmão no seu ambiente social de pluralidade e multiplicidade no  encontro para o coito. Ora, se no reino animal podemos constatar esse comportamento, imagine na raça humana, onde acontecem as restrições na alma, biológica, psicológica e social.
Levítico 18:6
Ninguém poderá se aproximar de uma parenta próxima para se envolver sexualmente. Eu sou o Senhor.
    Temos uma citação da Bíblia Sagrada, para que a criatura humana se abstenha desse sentimento bestial; porque quando acontece o incesto automaticamente vem a desordem na família, de maneira que observar-se os seguintes comportamentos:
Super proteção com a pessoa amada;
Amor fraterno recheado de tesão erótico;
Tesão de DNA;
Paixão avassaladora incrustada na alma;
Violência doméstica;
Abuso sexual dos mais velhos para com os novos;
Traumas que são levados por toda vida e etc.
         De maneira que as pessoas tomadas pelo sentimento de incesto, muitas vezes não chegam a transar; mas boicotam o namoro ou casamento dos que estão sendo cobiçados por essa paixão infame. Não se acaba fácil, quanto mais tempo passa maior a atração sexual e o segredo que está guardado dentro da alma; e essa atratividade e pensamento de possessividade vai aumentando a cada dia, inviabilizando toda a felicidade; uma vez que está configurado o verdadeiro amor platônico.
Levítico 18:06-07-08-09-10-11-12-13-14
06 - Nenhum homem se chegará a qualquer parenta da sua carne, para descobrir a sua nudez. Eu sou o Senhor.
07 - Não descobrirás a nudez de teu pai e de tua mãe: ela é tua mãe; não descobrirás a sua nudez.
08 - Não descobrirás a nudez da mulher de teu pai; é nudez de teu pai.
09 - A nudez da tua irmã, filha de teu pai, ou filha de tua mãe, nascida em casa, ou fora de casa, a sua nudez não descobrirás.
10 - A nudez da filha do teu filho, ou da filha de tua filha, a sua nudez não descobrirás; porque é tua nudez.
11 - A nudez da filha da mulher de teu pai, gerada de teu pai (ela é tua irmã), a sua nudez não descobrirás.
12 - A nudez da irmã de teu pai não descobrirás; ela é parenta de teu pai.
13 - A nudez da irmã de tua mãe não descobrirás; pois ela é parenta de tua mãe.
14 - A nudez do irmão de teu pai não descobrirás; não te chegarás à sua mulher; ela é tua tia.
    Um questionamento que surge entre as pessoas quando falamos sobre o incesto: Mostram que no Antigo Testamento houve muitos casos. É verdade; não podemos ocultar os acontecimentos da história humana na face da terra. Já vimos nos versículos anteriores em Levítico 18:6-14.
    As pessoas gostam de questionar as primeiras páginas do Antigo Testamento, em que temos os casos de incestos. É verdade; o que ficou registrado ao longo da história humana na face da terra não pode deixar de ser mencionado. Vejamos uma ordem de Deus que teve validade para aquele momento.
Gênesis 1:28
E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.
    Como citei acima, que o imperativo de multiplicar a posteridade teve validade apenas para aquele momento, tendo em vista que a genética humana era pura e não havia outras pessoas de linhagem diferente para o casamento. No entanto, o tempo foi passando e aumentando o cruzamento genético gerando uma mistura e ao mesmo tempo enfraquecendo a Genes; o que inviabilizou a necessidade de manter relação sexual com pessoas consanguínea, que por sua vez estava acontecendo diversos erros genéticos e deformidades nas novas crianças.
    Então, o Senhor Deus que sabe de todas as coisas; iniciou uma nova fase para a humanidade; proibindo o coito sexual entre parentes, o que foi registrado com muita veemência no Livro Levítico. Devemos entender que Deus nunca erra, e Ele trabalha cumprindo os seus planos no tempo certo.
    Algumas pessoas falam abertamente que a sociedade tem o incesto como “Tabu”, mas todos os dias as clínicas de psicologia recebe novos pacientes com sérios distúrbios mentais, porque foram abusados sexualmente por algum familiar, e como sequelas vem a depressão, pavor noturno, síndrome do pânico, pessoas mal resolvidas, desejo intenso de suicídio, os mais complexo distúrbios sexuais como a parafilia (sadomasoquismo, exibicionismo voyeur, fetichismo, necrofilia, zoofilia, pedofilia  e etc).
    Ao longo da história podemos ver essa ação em diversa civilizações como o exemplo do Egito, em que os faraós tentaram perpetuar o poder; mas percebemos que as mesmas tiveram um fim trágico através de crimes dentro das famílias, ciúmes, traições, loucura e guerra dentro da própria nação, porque onde opera o pecado não existe paz.
O mesmo comportamento foi observado na idade média, quando em muitos países da Europa era comum as famílias ter um grande número de pessoas como tios,sobrinho, primos, cunhados e outros que residiam no mesmo local, facilitando a promiscuidade. Nesse período era comum quando os amigos chegassem para visitas, dormirem na mesma cama do casal; e em determinadas residências até os empregados poderiam dormir em uma cama pequena, no mesmo cômodo. Você poderá saber mais sobre esse assunto aos estudar o comportamento sexual do homem ao longo dos tempos.
Em meio e esse emaranhado de conflitos ao longo da história, não compreendo porque as pessoas têm tanta dificuldade de aceitar a Bíblia Sagrada; a mesma apresenta uma linguagem clara sendo de fácil interpretação para todos os seres humanos, e esclarece como cada pessoa deve comportar-se na prática sexual.
De maneira que na Palavra de Deus, nunca foi exigido teoremas e cálculos complicados, e sim fala que o pecado leva a condenação eterna.
    Muitas culturas são atraídas pelo o incesto ; mas, a realidade é que todas essas sociedade não aceitam esse tipo de relacionamento sexual, geram uma inquietação e tristeza  dentro da alma de cada um dos que estão envolvidos. Quando são questionamos as pessoas de como elas sentem-se após o orgasmos, então todas falam que são tomadas por uma disforia e sentimento de culpa; e na maioria das vezes nojo, tomam banho se esfregando profundamente porque sentem-se imundas .
    Quanto ao posicionamento Bíblia proibindo o incesto, encontramos uma citação no Livro de Levítico.
Levítico 18:6
Nenhum homem se chegará a qualquer parenta da sua carne, para descobrir a sua nudez. Eu sou o Senhor.
Foi a partir desse evento que Deus mostrou que o incesto é algo proibido e que não  levaria para um bom caminho. Porque começou a dar errado, uma vez que a genética apresentou conflitos na combinação no genes; diversas doenças físicas e mentais.
No Brasil 98% da população e contra o incesto. não é agradável falar nesse assunto; nem tão pouco confortável; embora a cada dia está se tornando comum para muitas famílias que são desestruturadas, tendo sentenciado muitas vítimas a viverem as suas dores às escondidas, ocultando a vergonha pessoal. De maneiras que as autoridades e profissionais da psicologia estão preocupadas com as sequelas que são geradas em cada vítima que foi enganada pelo falso relacionamento consanguíneo.
É um problema amplo que deve ser resolvido o mais rápido possível; mas a comunidade tem fechado os olhos, os ouvidos e boca, para não combaterem essas perversão sexual que irradia consequência para todos.
Em um grupo de 50 (cinquenta), pessoas, especialmente as meninas; existe a probabilidade de pelos menos duas terem sido vítimas do incesto; e a coisa não para, porque essa perturbação influenciará uma nova família que será formada, que perturbará para sempre a pessoa que foi sacrificada nessa façanha nefasta, no sentido espiritual.
As pessoas condenam o prática do incesto, uma vez que o mesmo deprecia a moral e compromete a instituição familiar; tendo em vista que o mesmo produz a promiscuidade, e até os dias atuais não houve nenhum caso de um casal ter uma vida incestuosa com sucesso; todos foram destruídos com os mais sério agravantes como suicídio, perturbações psicológicas de diversos níveis; ao ponto de serem classificados como doentes mentais, desajustes psicossocial.
Deus proibiu a união incestuosa porque a sua sabedoria excede todo qualquer entendimento humano; então devemos respeitar a vontade soberana do criador do universo; o que passar dessa situação é considerado aberração aos olhos do Senhor. Vimos em diversas partes do nosso estudo que nunca houve nem haverá uma sociedade que resista ao casamento no incesto; é tanto que todas as pessoas sentem repúdio diante desta situação, e somente alguém doente mentalmente com sérias perturbações psíquicas é quem pode achar essa situação natural.
Que o Senhor vos abençoe rica e abundantemente.
 
 
Pastor Robson Colaço de Lucena
OTPB - Ordem dos Teólogos e Pastores do Brasil
MMA - Ministério Missão América
Pastor Robson Colaço
Enviado por Pastor Robson Colaço em 14/10/2019
Código do texto: T6769142
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Pastor Robson Colaço de Lucena). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre o autor
Pastor Robson Colaço
Alagoa Nova - Paraíba - Brasil
350 textos (31476 leituras)
292 áudios (9052 audições)
5 e-livros (83 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/01/20 18:19)
Pastor Robson Colaço