Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DOCÊ INFÂNCIA

 Minha aurora,minha infância....graciosa fortes vós,me ensinastes
 a ser como criança e assim,agir de tal modo que ainda continuo sendo.
 Ah!saudades da coisinha do pai,da bonitinha que nunca se tornara adulta,
 Queria eu que,as lembranças se tornassem em um viver de novo,ai sim
 mergulharia no quão mundo desentendido e fantástico que fora imperdível
 fabuloso,tempo das princesas e dos super heróis e porque não dizer,dos
 contos de fadas.

   Vivo,vivo e vivo sem nunca esquecer-me a dona de minha vida,
   AH!outrora que falta você faz.
Nidela Calcanhoto de Melo
Enviado por Nidela Calcanhoto de Melo em 10/09/2013
Reeditado em 10/09/2013
Código do texto: T4475266
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
Nidela Calcanhoto de Melo
Parnaíba - Piauí - Brasil, 24 anos
132 textos (1677 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/08/20 18:32)
Nidela Calcanhoto de Melo