Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vanice Zimerman - Observando o mundo com olhares múltiplos

Vanice Zimerman, nascida em Curitiba - PR. Formada em Letras Português/Inglês, Escritora e Artista Plástica. Com Poemas, Crônicas e Contos publicados em 94 livros. Participa de algumas Coletâneas: “CONEXÃO”- Feira do Poeta - 2015 a 2020; Haicais (Croácia 2015 a 2020): 23. Samoborski (Darko Plazanin - Samobor), Kabocha, 2016 (Menção Honrosa); Coletânea de Haicais: A Lâmpada e as Estrelas; Livro Poemas & Imagens - Instituto Memória. Certificado "Amigo da Arte, da Poesia, da Vida e da Paz" - MOVIMENTO PAZ E POESIA DE BELO HORIZONTE, 2015. Membro da AVIPAF (Cadeira 16), Academia Poética Brasileira e da IWA.
 

Em sua opinião, o que é cultura de paz?
A Cultura de paz é um conjunto de atitudes e têm como objetivo incentivar o respeito à vida de cada pessoa e também do Meio ambiente, respeitando a individualidade de cada indivíduo, sem discriminação (política, religiosa, econômica e sexual), evitando assim, qualquer forma de violência, agressão (verbal ou física). A Cultura de paz não elimina conflitos, mas sugere e indica caminhos para a resolução pacífica e inteligente dos mesmos.
 
Como podemos difundir de forma coerente a paz neste vasto campo de transformação mental, intelectual e filosófica?
A paz precisa ser trabalhada a partir das pequenas atitudes, iniciando nos lares, escolas, ambientes de trabalho e nas ruas. A paz é construída como se fosse uma escada com delicados ‘degraus’ que nos levam o observar o mundo com o nosso olhar e o olhar do outro. E dessa forma difundir a cada dia e a cada situação esse envolvimento de pensar no bem do outro, pois o outro é a nossa extensão.
 
Como você descreve a cultura de paz e sua influência ao longo da formação da sociedade brasileira/humanidade?
A Cultura de paz é um imenso campo fértil; um trabalho constante e árduo, onde as boas ações são ‘plantadas’ no sentido de conscientização e comprometimento dos governos em colaboração com a sociedade.
O céu azul recebe as cores do pássaro branco, em suas asas, a imagem da Paz. Paz bem-vinda, porém, frágil Que se estilhaça com um pensamento de ódio, Um grito, um tiro... Paz que se deixa entristecer ao ver a lágrima no olhar de uma criança. Paz, que incansável busca um sorriso, um aperto de mão, o encanto das cores do pôr do sol. E assim, a Cultura de paz continua a sua busca e, em cada voo do pássaro branco, Há uma Esperança...
“Em 2016 foi aprovada a Lei 13.663/18, que prevê que a chamada cultura de paz faça parte da Lei de Diretrizes e Bases. É um esforço para que conceitos como mediação de conflitos e desenvolvimento das relações humanas sejam incluídos no planejamento pedagógico de todas as escolas brasileiras.”

A cultura, a educação liberta ou aprisiona os indivíduos?
 
A cultura e a educação libertam o indivíduo, mas faz-se necessário que essa educação e cultura sejam alicerçadas com sabedoria para um crescimento espiritual também.
 
Comente sobre o espaço digital, destacando sua importância na difusão do despertar da humanidade.
O espaço digital é de grande importância nesse processo de difundir o despertar da humanidade; a partir da Internet e suas facilidades podemos ter acesso a diversos países e sua cultura, aprendendo, ou ter noção, principalmente, de outras Línguas e modo de vida de outros povos, sua Arte e Literatura presente nas pequenas aldeias até os mais longínquos países.
Nessas viagens digitais, conhecendo o próximo e seu dia a dia é que despertamos o interesse e ao mesmo tempo o respeito pelo outro. Há inúmeros sites com ótimos acervos de Museus e também Revistas literárias, que colaboram em manter essa sintonia mundial rumo a um despertar da humanidade no sentido de aprender e entender a bem - vinda diversidade que faz parte da existência da vida na Terra. O espaço digital aproxima as pessoas, mas é preciso responsabilidade, discernimento e equilíbrio ao usá-lo.
 
Qual mensagem você deixa para a humanidade?

Paz e Poesia começam com a mesma letra:
na palma da mão
frágil ninho de Tsuru -
Origami
 
***
papéis dobrados
abraçando o mundo -
esperança e paz...
 
***
no coração
Origami de flor de lótus -
saudade lilás
 
Dhiogo J Caetano
Enviado por Dhiogo J Caetano em 26/12/2020
Código do texto: T7144408
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Dhiogo J Caetano
Uruana - Goiás - Brasil
2618 textos (31909 leituras)
746 áudios (15001 audições)
4 e-livros (43 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/04/21 20:01)
Dhiogo J Caetano