Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DIÁRIO DE BORDO

Vinte e três dias do mês de março. Mundo atordoado! Uma pandemia tomou conta do planeta terra, causando histeria, provocando pânico, onde cidadãos alarmados, sentem-se desorientados. Um fluxo intenso de informação jorra a cada instante na "grande rede". Sinais de alerta! Vírus mortal causando pavor. Um vírus com potencial de causar parada respiratória, conhecido já de longa data da humanidade, como Influenza, mas aqui, em uma nova cepa, mais avassalador, denominado, Corona vírus ou Covid 19.

Governantes batem cabeça, um surto que veio da Ásia, ( de novo!?) e derrubou as bolsas, causou acirramento pelo petróleo e brigas comerciais. Fronteiras fechadas.  O mundo se cerca e ficamos reclusos. Teorias da conspiração pululam aos montes, foi proposital? Houve interesse comercial escuso na disseminação do vírus? Camuflaram os casos no início? Omitiram a verdade do mundo? Quem lucra com isto? Surgiu na natureza, portanto é natural e sem influência do homem em sua disseminação e reprodução? Enfim, questões que ficaram para posteridade, pois agora, o que temos que dar conta, é ficarmos livre desta  infecção.

Decretos de Calamidade Pública saltam aos montes nas publicações oficiais do governo. Pessoas descrentes do alarde feito, contrariam a "determinação", e saem, mantendo o estilo de vida como antes. São rechaçados, alguns xingados.

Medos de Março de 2020, e o mundo fica estagnado no que tange á produção. Comércio fechado. Risco de contaminação cresce exponencialmente, com os contatos em transportes urbanos e lugares fechados. Idosos são um grupo de risco fortíssimo,mas não se pode descartar nenhum indivíduo por raça, idade ou região.

Somos uma cápsula de transmissão ambulante.

A cada nota do governador, instala-se um movimento de correria, para manter provisões  para a quarentena decretada até Abril. Funcionários em casa, serviços de delivery funcionam como opção. Evitar contato. Agora estamos mais distanciados.

Cotidiano vai seguindo de maneira diferente do esperado. Planos e projetos de muitos, agora, foram adiados, em vista dos serviços públicos e muitos outros, estão suspensos por tempo indeterminado.


Fim do registro.





Leiam meus escritos, se assim  convier e se puderem.

Blog: palavrasnotasevivencias.blogspot.com


Grata:)




Lilian Vargas
Enviado por Lilian Vargas em 22/03/2020
Reeditado em 22/03/2020
Código do texto: T6894338
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
Lilian Vargas
São Paulo - São Paulo - Brasil
626 textos (62785 leituras)
18 áudios (2440 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/08/20 12:13)
Lilian Vargas