Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Jesus realmente existiu? Mario Sergio Cortella

Coragem é fé em si! Chegar à meta começa no primeiro passo: atitude, decisão ou opção.. Cada passo traz em si a potencia o ato. Isso é teoria de Aristóteles. Significa que a semente contem a árvore. Não significa que tudo e nem a carreira da gente está já determinada. Tornamo-nos o que queremos ser ao longo do tempo. Coragem!

Coragem é crer em si. Como crer no absoluto e em Deus se não creiamos em nós?

Mas, crê em nós não é o mesmo que crer em Deus. Sim e não! Somos humanos e partimos da ideia de que Deus é superior. Jesus é humano e divino ao mesmo tempo.

Não, nossa fé pode ser pequena e confusa, limitada e se confundi com uma ação meramente psíquica ou emocional.

A fé é uma atitude e não apenas uma questão sentimental.
Hebreus 11 - Bíblia Online - acf
https://www.bibliaonline.com.br/acf/hb/11
1 Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem. 2 Porque por ela os antigos alcançaram testemunho.

A fé é fundamento da vida cristã. A vida cristã exige mudança de atitude e obras que confirmam a fé em Deus.

Tiago 2 - Bíblia Online - nvi
https://www.bibliaonline.com.br/nvi/tg/2
17 Assim também a fé, por si só, se não for acompanhada de obras, está morta. 18 Mas alguém dirá: "Você tem fé; eu tenho obras". Mostre-me a sua fé sem ...

Logo, a fé dá a força de mudar a vida. É um fermento bom da massa. Assim, a fé se transforma em atitude, em obras, ações a favor dos outros - caridade e amor. Por isso, "a fé sem obra é morta!"

______________________________________

Jesus é a marca da história - linha de referência antes e depois de Cristo.

Jesus é judeu que marcou a história e a fé expandia para além de sua época.

Jesus é uma figura mística e não mítica. Mito (forma da mente, não! Pessoa histórica!

Albert Schweitzer: livro: Em busca do Jesus histórico. 446 p. Retoma os questionamentos a partir do séc, XVII sobre a figura de Jesus.

Jesus é o Messias no séc. I. Jesus é um conserto de vida - instiga o poder e morreu por causa própria - salvar e fazer a vontade de Deus segundo as profecias hebraicas.

Cristo= ungido e Messias (grego); Jesus = Salvador
 Manuel = Deus-Conosco é a dimensão comunitária da ação de Jesus na vida do povo. Ele cumpre as profecias. Cumpre a Torá!

O Natal: 25 de dez. - culto de Mitra - deus sol no império romano. Os cristãos aproveitaram o dia para celebrar o nascimento de Jesus, Luz do mundo, o Sol da fé interior pela fé cristã, que nos faz ser luz no mundo.

A mensagem apocalíptica vai ser relativizada por Jesus - a "Parasia" como segredo do Pai Eterno - Jesus frusta a visão messiânica de que viria restaurar Israel e rechaçar os romanos.

O mistério Trindade Divina é "Pericorese"! Jesus é consubstanciação ao Pai e ao Espírito Santo. Deles vem o amor - Jesus é o Amor.

Evangelho João - É o Verbum, é o Logus: Jesus fala de si, mostra o Pai e se refere ao Paráclito como Pessoa divina específica. Promessa de enviar o Paráclito, inclusive aparece nos sinópticos evangélicos.

 
Os apócrifos são úteis: Maria Madalena, Tomé, etc.

Igreja é comunidade. Havia muitas igrejas. Igreja Católica a partir de Concílio de Niceia (ano 325 da era cristã).
 





J B Pereira e https://www.youtube.com/watch?v=qNyayl2MF3Y
Enviado por J B Pereira em 02/10/2017
Reeditado em 16/10/2017
Código do texto: T6131367
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
J B Pereira
Piracicaba - São Paulo - Brasil
2269 textos (1219423 leituras)
14 e-livros (85 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/10/19 07:51)
J B Pereira