Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Brasil é Um País Racista

Quero começar esse texto falando não sobre o racismo, mas sim sobre o racista. Ser racista é antes de tudo um problema moral, uma falha grave de caráter, sim, pessoas racistas precisam entender que elas têm um problema de caráter. O racismo é uma espécie de legado, passado de geração para geração. Ele decide quem é feio e quem é bonito, quem pode estar em espaços de poder, quem pode ser bem ou maltratado, quem pode viver em uma comunidade pobre em cima do morro e quem pode viver em um condomínio fechado. O racismo determina que oportunidades  as  pessoas terão de acordo com a cor de sua pele, tipo de cabelo e até mesmo de acordo com seu sobrenome.
    Pessoas brancas precisam entender que elas foram privilegiadas por uma estrutura perversa que foi construída ao longo dos séculos. O Brasil, em sua maior parte do tempo, foi um país escravocrata, um país que desumanizou e ainda desumaniza negros e indígenas, que nega oportunidades, devido a sua estrutura feita para acomodar bem a  uma elite, que pode-se dizer ter surgido ainda na época do descobrimento.
   Volto aqui a falar de pessoas racistas, que na maioria das vezes, negam que são racistas, mas seus argumentos deixam bem claro seu racismo, dizeres do tipo “Zumbi dos Palmares tinha escravos”, “O mundo tá chato, não se pode falar mais nada por causa desse politicamente correto”, “Não sou racista, tenho até amigos negros”, "Não deveria existir o Dia da Consciência Negra, somos todos iguais" ou então aquele clássico “Nelson Mandela era um terrorista”. Para você considerar o Nelson Mandela um terrorista, você tem que ser a favor do apartheid , que foi uma estrutura de poder extremante perversa contra pessoas negras e não brancas, que viviam na África do Sul. Somente os brancos, que eram uma minoria naquele país, tinha direito a saúde, educação e a todas as riquezas, que lhes foram dadas pelo governo. Pessoas racistas se incomodam ao ver uma atriz negra interpretar “A Pequena Sereia” no cinema, se incomodam ao ver uma mulher negra substituir James Bond no filme 007, ou ficam extremamente revoltadas quando tem um chefe negro. Pessoas racistas proferem insultos racistas a pessoas negras durante suas explosões de fúria, ou fazem piadas racistas para debochar e ridicularizar pessoas negras, mas quando são desmascaradas e confrontadas, passam um óleo de peroba na cara e pedem desculpas. Pessoas racistas se acham bondosas porque frequentam uma igreja evangélica ou católica, mas agridem praticantes de religiões de matriz africanas com insultos, ameaças e depredações de terreiros,são hipócritas e não se consideram racistas porque tratam bem a sua faxineira negra ou a tia do cafezinho nordestina, que trabalha na empresa e lhe serve o café. Pessoas racistas lavam as mãos quando vêem um negro sofrer racismo, defendem outros racistas e dizem que o negro é que está de mimimi. Todos nós aprendemos a ser racistas e do mesmo jeito que podemos aprender, podemos também desaprender, porque o racismo não é um problema só do negro, ou só do indígena, é um problema de todos nós. Não deveria ser uma pauta de esquerda ou direita, porque é um problema do Brasil. Não podemos continuar em cima do muro, não basta só não ser racista, precisamos ser antirracista! Racismo!Ou você combate ou você faz parte!
Jô Mendonça
Enviado por Jô Mendonça em 02/12/2019
Reeditado em 02/12/2019
Código do texto: T6809444
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Jô Mendonça
Santo André - São Paulo - Brasil
21 textos (1667 leituras)
7 áudios (135 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/19 11:11)
Jô Mendonça