Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Palavra Solta - uma sertaneja

Palavra Solta - uma sertaneja

*Rangel Alves da Costa


Uma mulher. Uma mulher qualquer. Mas uma grande mulher. Até diferente a mulher Maria, Joana, Bastiana ou Crezilda. Sertaneja, mulher da roça, da labuta debaixo do sol, da lide dura na vida. Fazer o mesmo trabalho do homem, ter a mesma luta que o homem tem, debaixo da chuva, debaixo do sol. Mas faz mais: cuida da casa, cuida do bicho de cria, lava roupa, passa roupa, vai buscar lenha, acende o fogão, bota a panela no fogo. E faz mais: ora pela família, remenda a roupa da família, tudo faz para que nada de ruim aconteça aos seus. Gosta de cantar, gosta de mostrar felicidade, gosta de ser amigueira, gosta de prosear. Pra ela sempre está tudo bem. Mas tem o rosto queimado de sol, tem a mão lanhada da foice e do machado, tem o corpo marcado de espinhos, tem as dores próprias de tão duro viver. Maria, Joana, Bastiana ou Crezilda. Mulher humilde, mulher de luta e na constante luta. Uma sertaneja.


Escritor
blograngel-sertao.blogspot.com
Rangel Alves da Costa
Enviado por Rangel Alves da Costa em 20/09/2019
Código do texto: T6749897
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rangel Alves da Costa
Aracaju - Sergipe - Brasil, 56 anos
10204 textos (297857 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/19 00:33)
Rangel Alves da Costa