Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRA SUA FACA AFIADA /TEM COURO MINHA BAINHA

Chega no forró sorrindo
Gasta dinheiro e alegria
Diz que não perde folia
Puxa a dama e vai saindo
Pelo salão sacudindo
Mas, deixou sua esposinha
Que ele chama de mainha
No lar, com fome, sem nada
PRA SUA FACA AFIADA
TEM COURO MINHA BAINHA.

Homem que agride Mulher
Cai na MARIA DA PENHA
Ou é melhor cair na" lenha"?
 Pode ser um Chanceler
Ou o tal  macho Xavier
Que grita:" a mulher é minha!"
E bateu nela agorinha
Mostrando nâo valer nada
PRA SUA FACA AFIADA
TEM COURO MINHA BAINHA.

Glosa: Alaíde Souza Costa
Mote: Dalinha Catunda
ALAÍDE SOUZA COSTA e Salinha Catunda
Enviado por ALAÍDE SOUZA COSTA em 11/09/2019
Reeditado em 11/09/2019
Código do texto: T6742705
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ALAÍDE SOUZA COSTA
Aracaju - Sergipe - Brasil, 58 anos
186 textos (2814 leituras)
1 e-livros (176 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/09/19 14:22)
ALAÍDE SOUZA COSTA