Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
“O que ela é para você?”

Perguntaram-me o que ela
Representa para mim.
Árdua e sublime é esta tarefa:
Falá-lo-ei então assim,
Para aos quatro ventos
Anunciar, do meu amor
Por ela, exímio louvor.

Ela é como o mar:
Aquela beleza deslumbrante.
Suas ondas me fazem olvidar
Dentro de mim o que é conflitante.
Mas ela é que nem o mar:
A beleza que não termina
Se eu mudo a perspectiva.

Ela é o meu embalo diário,
Não só do sábado à noite,
Não apenas de um horário:
Da vida que Deus soprou-me!
Como está agora o mundo?
Sim, tudo nele vai bem.
Minh' alma está zem.

Ela é o sumiço das palavras:
Eu que em oculto as ensaio
Para a ela tentar expressá-las,
Em maldita mordaça caio
Tão logo diante dela eu esteja.
Fico feito criança a entreolhar
Sua travessura e a mãe a se aproximar.

Ela é o tempo que se apressa
A passo meteórico,
Sem que dela me despeça
Sem vazio catastrófico.
Mas também é a ânsia de as horas
Acelerarem em igual modo
E esteja eu de novo em seu colo.

Ela é como o silêncio
Que mora na estratosfera:
Afável, pacífico, é alento...
Ao que meu espírito venera.
É o silêncio da sabedoria.
Nada mais sou que seu dócil aluno.
Ao contemplá-la, da verdade me muno.

Em suma, ela é brisa leve,
Torna meus dias suaves...
Assim então se descreve
Da minha paixão a arte.
Que ela consigo me carregue
Como pelo céu a uma nuvem,
Que se vai e nunca mais a busquem!
Douglas Fernandes
Enviado por Douglas Fernandes em 16/08/2019
Reeditado em 16/08/2019
Código do texto: T6721480
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Douglas Fernandes
Crateús - Ceará - Brasil, 28 anos
24 textos (525 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/09/19 14:02)
Douglas Fernandes