Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meus Sonhos

Em sonho, fui pelo mar em um barco sem remo, as ondas pareciam calmas e eu apreciava aquela harmonia. Contudo, aquilo que parecia tranquilo de repente, se transformou numa grande tempestade, mal conseguia me equilibrar. Das tenebrosas nuvens carregadas se podia ver estranhas luzes de cores flamejantes e sons parecidos como alaridos de guerra. O meu medo e a minha relutância parecia dar ainda mais força a tempestade, então fechei os olhos e não lutei mais contra ela.
Quando abri os olhos novamente, eles avistaram uma praia, onde havia dois cumes, e neles, dois monarcas a se enfrentar, um de frente para o outro. No sopé de cada um deles, havia muita gente. Eram exércitos numerosos, com espadas e armas nunca vistas pelo homem. Era a guerra, a mãe de todas as desolações.
E dos céus veio o castigo de ambos, dois raios caíram do céu, atingindo os dois cumes, e os lugares onde estavam os reis desmoronaram. Pois, os dois lutavam pelo ódio e pela ganância. O estrondo foi tão grande que abalou a crosta da terra, que a ilha começou a imergir, e de seus exércitos só pude ouvir gritos e lamentações, por fim, afundaram junto com as loucuras de seus senhores.

Ângelo Luz
Enviado por Ângelo Luz em 28/01/2019
Código do texto: T6561613
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ângelo Luz
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 19 anos
7 textos (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/09/19 09:00)