Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A PRINCESA DA ÚLTIMA TORRE

Era uma vez um lugar muito distante, totalmente coberto pela neve, conhecido como CIDADE DAS NUVENS.Ali moravam duas meninas muito lindas, chamadas Melissa e Orquídea. Elas eram gêmeas idênticas e tinham catorze anos de idade. Melissa era malvada e odiava a irmã,enquanto que Orquídea era doce e gostava de todas as pessoas.
        Rosa, a mãe das meninas, sempre as mandava no bosque colher flores e depois iam vende-las em um vilarejo perto dali.Orquídea era querida por todos e era até presenteada.Melissa já não suportando mais aquela situação,tramou um plano quando estavam voltando para casa. Olhou bem para a neve e depois para o rostinho da irmã. Pediu então que Orquídea fosse até a beira do precipício e apanhasse umas flores muito raras,que eram as mais lindas do mundo.Disse também que se conseguissem vende-las ficariam muito ricas.
 A menininha inocentemente aproximou-se do precipício e a malvada empurrou-a. Satisfeita com a própria crueldade Melissa olhou para baixo sorrindo,vendo o corpo da irmã que aparentemente estava morta.
       Minutos depois passava por ali um homem muito feio e mau vestido. Ele vinha cantarolando e escutou um gemido.Parou,olhou para baixo e viu que havia uma pessoa precisando de ajuda. Fez toda a volta para chegar até a pessoa e viu que ela estava muito mal.
     O moço chamava-se Nino e socorreu a moça,colocando-a nas costas e foi em direção à sua casa.Logo chegou em um lugar lindíssimo, com uma entrada coberta de flores e um castelo gigantesco, onde haviam várias torres onde os plebeus ficavam. Nino levou Orquídea até uma das torres onde ele ficava, mas ninguém o viu chegar. Colocou-a na sua cama com cobertas quentes e deu-lhe ervas para curar os ferimentos e aquecer seu corpo resfriado pela neve.
       Orquídea acordou mais tarde e assustou-se com a presença de Nino que a tranquilizou contando onde havia a encontrado.Ela começou a recordar-se da maldade que a irmã havia feito e suas lágrimas caíram. Nino perguntou se ela queria voltar para casa, mas ela disse que tinha muito medo que a irma tentasse mata-lá novamente.
Nino revelou a Orquídea  que o príncipe iria se casar dentro de quarenta dias com uma moça nobre,portanto não poderia saber que ela ali se encontrava. Ela entendeu então que dentro de no máximo até quarenta dias teria que sair da torre e que tampouco poderia ser vista pelo príncipe,que se chamava Leon.
       Passaram-se quarenta dias e então chegou o grande dia para o príncipe. Nino saiu para buscar mantimentos e Orquídea acabou adormecendo. Dentro de alguns minutos acordou assustada , pois o príncipe ali estava olhando para ela. Orquídea deu um salto da cama e ajoelhou-se aos pés de Leon, pedindo para que ele não lhe fizesse nada de mal. Explicou rapidamente a ele o motivo de estar ali e  o príncipe muito comovido deixou-a ficar. Ele só havia ido até a torre porque viu um vulto e sabia que Nino havia saído.
      Leon não pode deixar de reparar na beleza de Orquídea, apesar de ela estar tão mau vestida.Engoliu a saliva ligeiramente e disse que precisava voltar ao castelo porque havia marcado com o alfaiate. Disse à ela que poderia ficar ali até ele resolver a situação.
          Finalmente chegou a hora do casamento e Leon estava bastante impaciente aguardando a noiva. Uma hora se passou e a noiva não apareceu. Centenas de pessoas aguardavam ansiosamente pela cerimônia. Logo um mensageiro atravessou o imenso salão de festas e falou no ouvido do príncipe que a noiva foi pega mexendo nas jóias que eram de sua mãe e então o príncipe mandou que a levassem de volta para casa.A moça não seria um bom exemplo como princesa.
      O príncipe muito envergonhado chamou Nino, falou no seu ouvido e este obedeceu-lhe retirando-se do castelo.
          Dentro de trinta minutos Nino retornou ao salão,porém acompanhando Orquídea, vestida de noiva e simplesmente deslumbrante. Os convidados suspiraram apesar de não entenderem o que havia acontecido. Logo que a cerimônia acabou o príncipe  Leon e a princesa Orquídea entraram em sua carruagem e andaram por alguns quilômetros. Orquídea deu um grito quando viu sua irmã e seus pais na rua. O cocheiro parou a carruagem e ela desceu. O príncipe sem entender o que estava acontecendo também desceu e aproximaram-se da família de Orquídea, que não foi reconhecida por eles. Orquídea começou  explicar aos pais o que lhe acontecera e agora ficaram muito felizes,  menos Melissa. O pai delas ficou tão zangado que resolveu dar um castigo à filha malvada Pediu ao príncipe que a colocasse no pior aposento do reino por um mês. Melissa foi levada pelos guardas gritando e se debatendo com mais inveja da irmã ainda,que agora era uma princesa. Os pais de Orquídea vieram morar no castelo e todos viveram felizes para sempre, exceto Melissa que era zombada pelo reino inteiro e ficou conhecida como A PRINCESA DA ÚLTIMA TORRE.
ROZIANE COSTODIO
Enviado por ROZIANE COSTODIO em 01/07/2020
Código do texto: T6993376
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
ROZIANE COSTODIO
Santa Maria - Rio Grande do Sul - Brasil, 51 anos
16 textos (678 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/08/20 03:30)
ROZIANE COSTODIO