Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DENTRO DE MIM

De repente
me vi ali, parada no meio da sala, olhando a penumbra de meu quarto, após incansáveis tentativas de me entregar nos braços do sono. Uma sensação desesperadora invadia minhas entranhas, um turbilhão de pensamentos tomava conta dos recônditos mais profundos da minha alma e uma certeza avassaladora de que nunca estivera realmente comigo tomava completamente conta do meu ser.
MEU DEUS! MEU DEUS!
  Eu não me conhecia, ou será que não me reconhecia?
EU NÃO SEI!
A única certeza que passava como lampejos em minha frente, era de que sempre esteve tudo aqui, bem aqui, bem aqui...DENTRO DE MIM!
Era tudo tão claro agora. Eu diria que era demasiado límpido, e de alguma forma aquela certeza de que nada do que se encontrara do lado de fora me pertencia, me rasgava a alma.
SEI LÁ! SEI LÁ!
Dei alguns passos, sentei na cama e recostei a cabeça na parede que agora me parecia mais endurecida que nunca. De repente, tudo ganhou contornos de solidão, ou seria solicitude?
MEU DEUS! MEU DEUS!
Olhar para dentro de mim, agora me parecia tão difícil, tão sinistro, quantos segredos me foram revelados naquele momento. Eu era prisioneira de mim, ou seria do outro? Dos outros?. Não sei, sinceramente, não sei.
Mas, se universo tivesse para mim uma revelação naquele exato momento, era de que tudo o que procurei durante os anos dourados da minha vida, nunca esteve fora de mim, sempre esteve ali, esperando ansiosamente por algo que o fizesse despertar. Sempre esteve ali, aguardando uma noite, a música certa para finalmente se libertar, rasgar até sangrar minhas entranhas. Sempre esteve ali, bem ali...DENTRO DE MIM!
E ao lançar um olhar mais profundo para dentro da minha alma, tantas coisas me foram reveladas. MEU DEUS! Quem realmente eu era? Quem eu seria de verdade? me vi revestida de tantos "eus". Porém, se uma certeza me acometia naquele lapso de tempo, era que eu ainda estava ali.
Agora eu seria capaz de me revestir de mim, da minha essência e conviver pacifica e vorazmente com tudo o que (re)descobri  olhando para DENTRO DE MIM!
Josy Matos
Enviado por Josy Matos em 27/03/2020
Código do texto: T6898620
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
Josy Matos
Mâncio Lima - Acre - Brasil, 37 anos
48 textos (1813 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/08/20 21:48)
Josy Matos

Site do Escritor