Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Castelo

A noite estava soturna, obscura, um anjo descia vagarosamente no meu castelo.
"Rumanesk? Vampiro? Teu pranto ainda se demora..."
Abri as cortinas longas e negras que acompanhavam a escadaria.
O sol entrou na manhã seguinte enquanto o anjo recolhia minhas cinzas.
Hoje estou com a Morte e seu enigmático sorriso.

Drácula Rumanesk
Enviado por Drácula Rumanesk em 13/11/2016
Código do texto: T5822181
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Drácula Rumanesk
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 48 anos
28 textos (836 leituras)
5 e-livros (111 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/19 16:41)
Drácula Rumanesk